WhatsApp Image 2021-11-09 at 10.35.27.jpeg

Centro de Comercialização Artesanal
Alice Arantes Galvão

Espaço criado para divulgação e valorização do trabalho artesanal de São Miguel Arcanjo, gerido pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, o espaço expõe produtos de aproximadamente 60 artesãos. 

Quem foi Alice Arantes Galvão?

Alice Arantes Galvão, descendente de tradicional família de fundadores de São Miguel Arcanjo, nasceu em 10 de novembro de 1950, filha de Lindolfo Arantes Galvão e Honória Dias Rodrigues Galvão. Passou a maior parte de sua vida dedicada à nobre arte de ensinar, de elevar a cultura através das coisas mais simples e singelas, cantando e brincando, mas sempre com a competência de transmitir conhecimento. A alegria estampada em sua face, o seu jeito humilde de tratar as pessoas era cativante e peculiar.

 Formada em Educação Artística pela faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Tatuí/SP, teve a base de ensino em São Miguel Arcanjo, cursando o Ensino Primário na Escola "José Gomide de Castro", seguindo para o Ginásio Estadual "Virgílio Maynard", continuando os estudos no município vizinho - Itapetininga, no Instituto de Educação "Peixoto Gomide" onde concluiu o Magistério, habilitando-se para ministrar aulas no ensino fundamental. Daí para a faculdade a coisa não foi fácil, aliás, as coisas nunca foram muito fáceis diante das limitações financeiras da família, mas Alice e seus irmãos Maria Elisa e João Carlos sempre batalharam para dar conta do recado.

Alice Arantes Galvão, desde muito jovem, trabalhou na padaria da família Ninomya, na Casa Paulista da Senhora Zica e Senhor Harif, e posteriormente ministrando aulas nas escolas rurais do município, como na Fazenda Dom Bosco (Bairro Faxinal), Turvos dos Hilários, etc.

Ao concluir a faculdade, Alice foi trabalhar no Vale do Ribeira, onde passou boa parte de sua trajetória como professora, exercendo sua nobre vocação aos alunos de Juquiá, Cedro, Pedro de Toledo, Miracatu, deixando por onde esteve sua grande amizade e admiração.

Após esse período, transferiu-se para o município de Pilar do Sul e posteriormente conseguiu transferência para São Miguel Arcanjo onde foi trabalhar no Colégio Estadual "Nestor Fogaça", no qual com boa bagagem didática muito acrescentou ao ensino, especialmente no que diz respeito ao desenvolvimento artístico e cultural, participando ativamente na criação de oficinas de desenho e pintura. Foi no Colégio Nestor Fogaça que Alice Arantes Galvão lecionou até a sua aposentadoria.

A professora artista deixou muitos quadros, poesias e álbuns de fotografia nos quais retratavam a história de São Miguel Arcanjo, como nos festivais de música, bandas municipais, costureiras, bordadeiras, a arte dos mais simples tecelões de peneira e redes de pesca. Foi ainda grande incentivadora do Festival Lolo Terra, que tem grande repercussão no meio artístico-musical.

 


A professora Alice tinha como metas, algumas realizadas, trabalhar junto à Administração Municipal para a construção de jardins nas entradas da cidade, a coleta seletiva de lixo, a revitalização do antigo matadouro municipal para dar origem ao museu histórico de nossa arte popular.

Alice Arantes Galvão viveu a arte em sua essência, infelizmente faleceu em 26 de maio de 2008, deixando um legado de bondade, amor e honestidade.

Funcionamento

De Quinta à Sábado e feriados

Das 9h às 12h e das 13h30 às 17h

Domingo

Das 9h às 14h

WhatsApp Image 2021-11-09 at 10.35.27
WhatsApp Image 2021-11-09 at 10.35.28
WhatsApp Image 2021-11-09 at 10.14.10
WhatsApp Image 2021-11-09 at 10.14.09